O Que É Conciliação Bancária

Acompanhar de perto a situação financeira de sua empresa é fundamental para o crescimento e o sucesso do negócio. Nesse contexto a conciliação bancária aparece como uma das estratégias fundamentais para que você conheça e pratique.

Com certeza você já enfrentou alguma dificuldade financeira em sua empresa. Isso pode acontecer por diversos motivos, e um deles – talvez o mais recorrente – é o descontrole e a falta de manutenção das finanças.

A conciliação bancária consiste justamente em um controle mais assíduo e preciso de toda a movimentação que acontece no banco. É uma forma inteligente de acompanhar o desempenho da empresa, antecipando problemas e identificando oportunidades.

 

O Que É Conciliação Bancária

Entenda O Que É E Para Que Serve A Conciliação Bancária

O nome pode até parecer complexo, mas a conciliação bancária consiste numa prática muito comum, e que deveria ser corriqueira tanto em sua vida profissional quanto em sua vida pessoal: a conferência da movimentação bancária.

Um erro muito comum cometido por pessoas diversas é a de não olhar a conta bancária com frequência, e tampouco conferir o extrato.

Assim, muitas pessoas são cobradas de taxas, e realizam movimentações que passam despercebidas – mas que ao final somam uma alta quantia.

Conheça Os Três Passos Básicos Para Praticar A Conciliação Bancária

Para quem não tem hábito conferir o extrato bancário e fazer o acompanhamento das movimentações pode parecer algo de outro mundo, e absolutamente complexo.

Mas existem três passos básicos que definem muito vem a conciliação bancária. São eles:

  • Monitorar fluxo de caixa e extratos bancários;
  • Confrontar essas informações com os registros de pagamento e recebimentos de sua empresa;
  • Corrigir todos os erros e informações.

Basicamente a intenção é fazer com que a movimentação da conta esteja exatamente de acordo com a movimentação externa, ou seja, aquilo que entrou e saiu de sua empresa.

A Importância Da Conferência De Caixa

Você jamais deve finalizar um dia de trabalho sem fazer a devida conferência de fluxo de caixa. Quanto mais você deixa isso acumular, mais difícil fica de conferir!

Então, ao final de cada expediente, faça a conferência, bata o valor de caixa com os comprovantes e notas emitidos, e tenha tudo sempre muito bem registrado e anotado.

Fazer a conferência diariamente facilita para identificar e até se recordar de algum erro que possa ter acontecido durante o dia, e que acabou gerando uma diferença no valor final.

Além disso, é importante reservar tempo para fazer a conferência e o monitoramento das tarifas bancárias, impostos e taxas referentes às transações realizadas em sua conta, salários, e qualquer outro dado relevante.

O Que É Conciliação Bancária

Fazer Isso É Muito Difícil – E Agora?

Qualquer pessoa que não seja um profissional da área financeira com certeza achará isso extremamente trabalhoso. Lidar com números – sobretudo aqueles relacionados às finanças empresariais – é realmente complexo.

Uma alternativa interessante é terceirizar essa atividade para uma empresa especializada. Dessa forma você consegue organizar melhor a sua rotina, reservando tempo para criatividade e cuidados com o seu cliente.

Em paralelo, profissionais qualificados e experientes se dedicam a manter a conciliação bancária de sua empresa em dia. Os lucros serão por todos os lados.

Quem Precisa Fazer Conciliação Bancária?

Engana-se você se pensa que a conciliação bancária é uma atividade que deve ser realizada apenas por empresas de grande porte. Obviamente, quanto mais dinheiro circula dentro da empresa, mais assíduo deve ser o controle.

Porém, isso não significa que o seu negócio de pequeno ou médio porte não mereça o mesmo cuidado. Se você almeja ou prevê crescimentos profissionais, então isso se torna ainda mais importante.

A conciliação bancária é uma estratégia voltada para empresários que entendem, a importância da saúde financeira para manter as portas abertas. Evite surpresas desagradáveis, e adote essa prática.